ESTILO
Consultora de imagem dá dicas de moda para tamanhos G e GG
Palavra mais importante: autoestima! Com ela, é impossível não ficar bonita e na moda, independente do peso que marca na balança.
Dicas de moda plus size.
Saiba valorizar sua silhueta, independente do seu peso. (Foto: Shutterstock)

Achar que a moda só funciona para as modelos de passarela é um grande engano!! Claro, qualquer uma de nós tem o direito de estar insatisfeita com quilinhos a mais, porém, enquanto não se consegue perdê-los, não quer dizer sair vestida por aí de qualquer jeito. Podemos aprender a valorizar qualquer tipo de silhueta.

Outro grande engano é achar que pessoas gordinhas só podem usar roupas largas e de modelagem reta. Não! Há várias formas de valorizar o corpo, usando modelagens ideais para cada tipo de silhueta, da mesma forma que acontece com as magras.

Dicas de moda para quem veste tamanhos G e GG

Quer criar a ilusão de cintura mais fina e disfarçar a barriguinha? No que apostar:

Chame a atenção para os ombros;

Use decote canoa e V aberto;

Invista em blusas, jaquetas e blazers que façam um desenho da cintura, sem marcá-la demais;

Aposte em túnicas ou blusas no estilo blusado ou com recorte sob o busto;

Blazers com abotoamento simples, camisas envelopes ou cache-coeur também funcionam muito bem;

Tenha no guarda-roupa saias levemente rodadas e cintos estreitos combinando com a roupa, sem detalhes chamativos;

Escolha saias e calças com o cós alto, na altura certa da sua cintura, nem baixa e nem alta demais;

Prefira as estampas pequenas e juntas.

E o que evitar?

Evite blusas terminando na altura da cintura;

Blusas usadas por dentro da calça ou saia;

Mangas com volume na linha da cintura;

Jaquetas e casacos muito curtos, coletes;

Cintura alta demais e cós largo, cintos largos;

Estampas e padronagens muito grandes e espaçadas.

Que disfarçar os quadris largos e as coxas grossas? Vamos lá:

Use ombreiras suaves nos blazers, para alongar seu corpo;

Prefira linhas horizontais na região do ombros (lapelas que apontam para cima e para fora);

Tenha saias e vestidos levemente evasês, calças retas ou bootcut, calças ou saias escuras e roupas que não prendam os movimentos.

Ou seja, nada de roupas sem modelagem e corte, é preciso apenas valorizar o que tem de melhor no seu corpo e minimizar o que menos agrada. Outra dica importante, quando você chama a atenção da produção para o seu rosto, o seu corpo fica em segundo plano, então nada melhor que arrasar no cabelo e maquiagem sempre.

Seja feliz, linda e confiante!!

Formada em Moda pela UFMG e Especialista em Imagem Pessoal e Corporativa, orienta pessoas e empresas em como atingir autenticidade e credibilidade através da imagem pessoal. Atendimento no Brasil e EUA com treinamento de Consultoria de Imagem Corporativa, Imagem e Estilo Pessoal e Etiqueta Empresarial.